quinta-feira, 8 de julho de 2010

Decepção

Decepção... Dói mas faz crescer.
Eu tenho estado numa maré de decepções. Nunca tinha acontecido isso comigo, mas para tudo tem uma primeira vez.
Motivo da decepção? Outra pessoa infeliz entrou na minha vida. Não vou ditar nomes, mas sim apelido: criança.
Vou nem dizer a idade do infeliz porque vão rir de mim... Bom, a questão é que essa criança iludi menininhas burrinhas que nem eu. (: Sim sim, eu fui iludida por uma criança. Podem rir.
O que leva um garoto a dizer TE AMO, no primeiro dia que conhece a pessoa? Depois diz que está fazendo "planos" com você, que esta loucamente apaixonado, essas merdas todas...
Acontece que minha "amiga" me apresentou essa criança e ficou implorando pra eu ficar com ele, pois ele era amigo dela a um tempinho. Aceitei. Mas acontece, que a gente so se conhecia por MSN (maldido msn). Nunca tinhamos nos conhecido pessoalme. Resultado: Gostamos um do outro, aliás, gostamos não porque ele não gostava de mim... Correção: Gostei dele virtualmente.
Num infeliz dia de jogo do Brasil, eu fui pra casa da minha amiga pra ficar com ele assistir o jogo. Quando eu vi ele pessoalmente... Nem comento da cara de criança de 10 anos que ele tinha. A questão é que ele não sentiu atração por mim nem eu por ele. HAHA' Ou seja, toda essa melação que a gente tinha no msn não nos levou a nada.
Chegou uma bendita hora que o jogo do Brasil tinha acabado e eu e minha amiga fomos na padaria pra eu ficar com ele pra gente comprar alguma coisa (a gente nem comprou nada HAHA'). Ai, minha amiga (muito amiga) deixou a situação mais tensa, berrando com o infeliz na frente dos amigos dele: FICA COM ELA LOGO. -queria morrer nessa hora.
Bom, ai a criança chamou minha amiga pra um canto (sem maldade) e depois minha amiga falou que ele queria falar comigo. Já suspeitei de que merda iria acontecer. QQ
Ai a criança chega (a gente tava namorando), da um sorrisinho sinico e simplesmente fala: Não to afim de você. WHAT THE HELL? QUAL O PROBLEMA DELE?
Eu fiquei sem reação nenhuma, eu me senti arrasada obvio por ter perdido meu tempo PRECIOSISSIMO com uma criança que não sabe o significado da frase "eu te amo".
Então eu respondi: "Tá." Bem calma, porque eu já esperava isso e sai correndo pra não matar ele ali mesmo, se eu matasse iam ter muitas testemunhas e ia ferrar pra mim.
Moral da História: NÃO SE ILUDAM COM GAROTOS QUE DIZEM QUE VC É LINDA E PERFEITA E QUE TE AMAM E ETC. MUITO MENOS SE ELES FOREM MAIS NOVOS. < erro gravissimo meu.
Espero que a minha história sirva de exemplo para todas as meninas que se iludem a toa.
No final disso tudo teve um final feliz... Né Renan? ♥
Beijosmeligá. :*

First Fanfiction - Part 3. continuação

Eu não quero outro garoto... Eu acho que gosto mesmo do Arima... Eu nunca gostei tanto de um garoto que nem eu to gostando do Arima.
Eu amo o Arima.
♥♥♥

"Arima? O que ele está fazendo ali?" Disse quando o avistei no outro lado da rua.
"Yuki!" Disse ele atravessando a rua.
"Arima! Você veio."
"Dei um jentinho de vir... Achou que eu iria te deixar sozinha?"
"Haha..." Ri.
"Então... Você quer entrar?"
"Pode entrar Arima, eu não quero..."
"Por que não? Aconteceu alguma coisa?"
"Nada de mais... Só, quero ficar aqui fora."
"Tudo bem, eu fico com você."
Sentamos num banco perto da entrada da festa.
"Não está com frio não?" Disse Arima.
"Não não..."
Não resisti... Fiquei olhando para aqueles lindos olhos castanhos claros um tempão que até me destrai.
"Yuki? Que que foi?"
"Na..na..da."
"Yuki, vou entrar rapidinho pra falar com o pessoal. Já venho."
"Tá..."
...
"Oi Yukino!" Disse Midori se aproximando.
"Oi Midori..."
"Arima está la dentro ainda?" Disse eu curiosa.
"Arima? Ah, tá sim. Uma menina pediu pra ficar com ele lá, acho que eles estão ficando."
"PORQUE? ME DIZ, PORQUE TODOS OS GAROTOS QUE EU ME INTERESSO EU NÃO TENHO CHANCE!" Gritei descontrolada, sem perceber que Midori estava ouvindo.
"Yuki você..." Nem esperei ela completar a frase e corri.
"YUKI!" Gritou Arima ao me ver correndo.
"CUIDADO YUKI!"
Arima correu em minha direção. Mas foi tarde.
♥♥♥

No hospital...
"Yuki... Yuki..." Disse uma suave voz aparentemente da minha mãe.
"Mãe?..."
"Ela acordou! Doutor!"
"Ãn?..." Olhei em volta, meia tonta, estava numa sala de hospital totalmente imóvel, na sala estavam minha mãe, meu pai e meu irmão.
"Mãe? Pai? O que houve?"
"Yuki, você sofreu um acidente. Sabia que não deveria ter deixado ir nesta festa..." Disse meu pai.
"Mas como? Eu não lembro de nada!"
"Seu amigo Arima nos contou que quando ele estava saindo da entrada do colégio viu você correr e atravessar a rua sem olhar, um carro que não havia visto você acabou batendo, mas graças ao Arima que ligou para a ambulancia a tempo você está melhor e sem muitos ferimentos." Disse o médico que estava entrando na sala e ouviu a conversa.
"Arima? Onde ele está?" Disse eu me levantando da cama.
"Não não! Você não pode se levantar, está fraca ainda. Vou chamá-lo."
"Filha fique na cama, eu, seu pai e seu irmão vamos deixar você conversar com o Arima a sós." Disse minha mãe.
"A sós? Nós não podemos ficar com nossa própria filha?" Disse meu pai ciumento.
"Deixa ela!" Disse minha mãe se retirando do quarto com meu pai e meu irmão.
Logo depois a porta se abriu denovo. Era o Arima.
"Arima!" Disse enquanto tentava me levantar da cama.
"Yuki, para de ser tão teimosa, o médico disse para você ficar na cama. Você quase sofreu um acidente gravissimo por causa da sua teimosia!" Disse Arima com ar de irritado.
"Mas..."
"Desculpe Yuki... Foi culpa minha, não devia ter ido lá dentro."
"Não foi culpa sua... Aliás, como foi a festa? Com certeza deve ter sido muito legal pra você não é? Garotas bonitas pedindo pra ficar com você..."
"Do que você está falando?"
"A Midori me falou que você ficou com uma garota..."
"Eu não fiquei com ninguém! Quem estava ficando com uma garota era o Yoshi! Aaah, então foi por isso que você correu Yuki? Ficou com raiva de mim?"
"N..nãao..!"
"Yukino Mizawa, você estava com ciumes?"
"Arima, estou muito cansada, depois conversamos..."
"Yukino, você gosta de mim?"
Por que eu sou tão previsivel? As pessoas descobrem meu sentimentos muito rápido! E agora? Digo sim ou minto?

Fim da parte 3.
Espero que tenham gostado, logo logo tem mais. (:

segunda-feira, 17 de maio de 2010

First Fanfiction - Part 3.

Enfim estou aqui postando a 3ª parte da Fanfic e a continuação da 2ª. Minha cabeça estava cheia de idéias para a 3ª parte, não aguentei e vim aqui postar. (:

Parte 2. Novo Amor - Continuação

Será que existe o amor a primeira vista? O amor é algo tão lindo e puro... mas será que é verdadeiro quando se ama uma pessoa que mal conhece?

♥♥♥

"Se controla Yukino, você vai acabar dando uma de louca perto dele." Falei para mim mesma nos meus pensamentos, enquanto caminhava em baixo do guarda-chuva ao lado de Arima.
"O que eu digo? Fico aqui calada? Aaain... Eu sou muito tímida, porque isso tinha que acontecer logo comigo?"
"Mas, e aí Yukino... Você é tímida né?" Disse Arima com um sorrisinho no rosto.
"E...e..euu? É, um pouco..." Respondi gaguejando.
"Sua perna está melhor? Ontem você levou um tombo hein..."
"Só está um pouco dolorido... Nada de mais..."
Chegamos na padaria.
"Vai querer o que Yuki? Posso te chamar assim né?" Disse Arima.
"Pode... Meus amigos costumavam me chamar assim também..." AAAIN! Ganhei um apelidinho do Arima! Que fofo... "Bom, eu vou querer um café."
"Pode ir sentando numa mesa que eu peço." Gentil não?
Sentei na mesa e logo depois ele veio e se sentou em frente a mim."
"Já vão trazer o café..."
"Tá..."
Ai ai... Que perfeito... Tomar café da manhã juntinho do Arima, sem mais ninguém... Ou foi o que eu pensei...
"E aí Arima!" Disse um rapaz aparentemente colega dele.
"Oi Yoshi..." Disse Arima com um ar de desapontado.
"AAAH, quem é essa aí? É aquela menina nova da sala a Yukino?"
"É sim..."
"Já tão juntos?" Olhei pra baixo.
"Não não... Nós só estamos tomando café da manhã."
"Eu ia tomar com vocês mas já que aparentemente não querem a minha presença para ficarem sozinhos vou indo!"
"Na verdade não, mas já que quer ir pode ir..." Disse Arima rindo.
"Se vai hoje né?" Disse Yoshi.
"Vou sim..."
Vai aonde? Fiquei curiosa.
"Tá, falou... Vou andando... VAI NESSA ARIMA!" Gritou Yoshi em quanto ia em direção à saída do estabelecimento.
Mas... O que ele quis dizer com isso?
"Ignora ele... Ele é assim mesmo."
"Tudo bem." Disse sorrindo.
Chega um senhora com uma bandeja e entrega dois cafés.
"Aqui está, bom apetite."
"Obrigada."
"Obrigado."
"Yuki... Desculpe a pergunta, meu amigo tava querendo saber se você tem namorado?"
O amigo dele ou ele? E pra que será a pergunta?
"Não, não tenho. Sei lá... Eu acho que sou meio nova pra namorar... Na verdade eu já namorei uma vez e não gostei."
"Nunca se é nova pra namorar Yukino... Desde que o amor seja verdadeiro." Disse Arima sorrindo."
AAAAAI, QUE FOFO. Acho que se eu ficar mais um minuto com ele eu enlouqueço...
"Na verdade... Você tem quantos anos?" Continuou Arima.
"Quinze."
"Nem é tão nova assim..."
"Você por um acaso tem quanto?"
"Quinze, também."
"Faz aniversário em que mês?"
"Dezembro."
"Há! Eu faço em outubro."
"Viu! É até mais velha que eu..."
Acabamos de tomar o café e ficamos sentados conversando.
"Aliás, você vai na festa do colégio?"
"Festa no começo do ano?"
"É! Começo de Ensino Médio."
"Eu nem sabia dessa festa... Quando é?"
"Tá meio atrasada hein? É nesse sabado ás 8 horas!"
Eu nem tenho roupa pra ir! Acho que nem vou...
"Jura? Não sei se vou... Tá muito em cima da hora."
"Uma pena..."
"Mas talvez eu vá."
"Então, eu vou indo porque minha mãe quer que eu faça umas tarefas em casa... Espero que você vá."
"Ok, eu vou pra casa procurar alguma roupa para ir."
"Falou... Tchau Yuki." Disse beijando meu rosto.
"T...Tchau A..Arima..." Disse bem baixinho com um sorriso enorme estampado na cara.
"Nooossa, eu tenho que correr pra procurar uma roupa pra ir..."
Cheguei em casa, meus pais e meu irmão haviam chegado do colégio do meu irmão.
"Yuki, onde estava?" Disse minha mãe preocupada.
"Eu fui ali na padaria comer algo."
"Aposto que foi com o namorado..." Disse o chato do meu irmão.
"Mãe, hoje vai ter uma festa no colégio novo do Ensino Médio. Posso ir?"
"Você que sabe... Mas ta meio em cima da hora pra escolher uma roupa."
Fui em direção ao meu quarto, entrei e abri o guarda-roupa.



Festas... São divertidas... Dançar, conversar com os amigos... Ficar com alguém especial... Mas para ir numa festa você precisa de uma roupa maravilhosa. Coisa que eu não tenho.
Revirei meu armário todo, não encontrei nada.
Mas espera... Acho que achei.
No fundo do armário, encontrei um vestido que minha mãe havia comprado pra mim a muito tempo e que eu nunca tinha usado porque não gostava de mostrar as pernas quando era mais nova. Esse é o vestido certo para ir à festa! Tomara que não caia, branco e com uma fita roxa em volta dele fazendo um laço. Vai ser esse!
"Mãaaae, vem cá" Disse gritando do meu quarto.
"Fala Yuki." Chega minha mãe.
"Encontrei um vestido lindo pra ir na festa!" Mostrei o vestido.
"Ah! Esse é aquele vestido lindo que você nunca quis usar não é? Agora tá querendo usar porque? Alguém especial vai estar la na festa?"
"Mãe... Eu já tô mais velha e já mudei meu estilo."
"Ok... Você que sabe... Vai ficar linda nele!" Disse minha mãe saindo do quarto.
Essa vai ser uma festa perfeita! Com o Arima então... Nossa!
"Gee gee gee gee baby baby baby ♪" Celular toca.
Mizuki!
"Oi Mi!"
"Oi Yuki! Liguei pra saber mesmo se estava tudo bem com você."
"Tá sim. Você nem vai acreditar! Eu acho que estou apaixonada..."
"UAU! Você mal chegou no colégio! Fala tudo!"
"O nome dele é Arima, eu conheci ele quando eu tropecei no colégio, ele me ajudou e ficamos amigos. Hoje mesmo eu tomei café da manhã com ele... Ele é tãaao fofo Mi..."
"Calma Yuki... Você mal conhece ele e aliás, tem muitos garotos ainda que você pode se apaixonar no seu colégio."
"Eu sei... Mas ele é tão... Perfeito!"
"Hahaha, depois quero que você me apresente ele hein!"
"Tá tá..."
"Beijos Yuki!"
"Beijo Mi..." Encerrei a chamada.
Ain, que saudade das minhas amigas... Se elas tivessem aqui comigo...
"Yuki, almoço ta na mesa!" Gritou minha mãe da sala.
"Tô indo mãe." Fui para a sala almoçar.
Bom, já almocei e agora acho que vou tirar um cochilo e vou me arrumar, aliás, hoje acordei cedo achando que tinha aula...
♥♥♥
"Ain... Que horas são?" Disse logo após me levantar.
"Faltam duas horas para a festa, melhor ir me arrumar."
Tomei um banho, coloquei minhas lentes de contato, me maquiei e coloquei o vestido.
"Mãaae, já estou pronta, pode me levar na escola?" Disse enquanto colocava os sapatos.
"Ta bom Yuki, só não volte muito tarde e leva o celular."
Entrei no carro e fomos em direção à escola.
"Pode parar aqui mãe."
Sai do carro e fui para o portão principal do colégio. A festa ja havia começado, tinha muita gente já na festa... Mas... Cadê o Arima?
"E aaaí Yukino!" Disse Yoshi, amigo de Arima.
"Oi Yoshi!"
"Uau, você tá linda..."
"Obrigada, mas, você viu o Arima? A gente combinou de se encontrar."
"Iih, ele me ligou ainda agora... Ele disse que os pais dele não deixaram ele ir porque tinha feito besteira..."
"Sério? Poxa... É que eu não conheco ninguém além do Arima e você."
"Vou te apresentar o pessoal!"
Que pena... Iria ser perfeito se o Arima estivesse. Pelo menos eu conheco mais o pessoal.
"Gente, essa aqui é a Yukino, ela é nova no colégio."
"Oi..." Disse com um ar de tímida para um grupo de pessoas.
"E aí..." Disse o grupo.
"Desculpe, qual seu nome mesmo?" Disse um garoto do grupo. O mais bonito na minha opinião.
"Yukino, mas pode me chamar de Yuki." Eu disse e ele sorriu.
"Yuki! Meu nome é Midori, prazer." Disse uma menina aparentemente simpatica.
"Senta aqui com a gente pra você não ficar sozinha." Yoshi.
Sentei numa das cadeiras ao lado de Midori.
"Você é nova no colégio né?" Disse Midori.
"Sou sim."
"Eu nem tinha te visto lá... Bom, qualquer coisa é so falar comigo!"
"Tudo bem, obrigada."
O garoto que havia perguntado meu nome chamou Midori para um lugar mais reservado. Fiquei sentada observando a festa.
"Yukino, Yukino! Vem cá." Disse Midori sorridente.
Me levantei e fui em direção a Midori e o garoto.
"Yukino, este é o Ryo." Disse Midori apresentando o garoto.
"Oi Ryo..." Eu disse.
"Ryo, dá licença agora que eu vou conversar com ela."
"Você que sabe..." Disse Ryo se afastando e sentando perto do grupo.
"Yuki, o Ryo gostou de você!"
Aaaah não. Fala sério! Mais um garoto pra entrar na minha vida confusa?!
"Por que vocês não ficam? Não é nada pra valer, é so pra curtir mesmo a festa..."
"Midori, eu não sei... É que, eu to gostando de um garoto e..."
"Você ta gostando e não namorando... Ah vai Yuki!"
"Desculpe, mas fala pra ele que não." Disse eu correndo em direção a saída da escola.
"Yuki! Espera!!"
Eu não quero outro garoto... Eu acho que gosto mesmo do Arima... Eu nunca gostei tanto de um garoto que nem eu to gostando do Arima.
Eu amo o Arima.
♥♥♥
Fim da 3ª parte da fic! Eu sei que ta meio confuso e chata mas é meio que parecida com o que acontece na minha vidinha chata, por isso ficou chato. QQ
Beijos gente, espero que tenham gostado!<3>

quinta-feira, 1 de abril de 2010

First Fanfiction - Part 2.



Parte 2. Novo amor.
Enfim em casa, depois de um dia tenso na escola...
"Como foi o primeiro dia de aula filha?" Perguntou minha mãe.
"Ah... Foi tudo bem. Eu só escorreguei no meio do pátio, na chuva e fui parar na enfermaria."
"Nossa! Como você é desastrada."
"Hum, obrigada mãe. Estou me sentindo muito melhor agora." Falei em tom de sarcasmo.
"Desculpe filha, mas que você é desastrada é! No primeiro dia de aula levou um tombão." Risos.
Chega o intrometido do meu irmão caçula dizendo: "HAHA! Eu vi ela caindo e depois se agarrando com um garoto!"
PESTE, PESTE, PESTE! Ele tinha que dizer isso?
"É sério? Yuki, quem é esse garoto? É bonito?"
"Ain mãe! Fala sério..."
Dei um peteleco na cabeça do meu irmão e corri para o quarto.
"Fofoqueiro!" Gritei.
Deitei na cama e comecei a pensar no Arima. Nossa...
"Como ele é educado, inteligente, lindo, fofo... Com certeza já deve ter um monte de pretendentes..."
Levantei da cama, tirei minhas lentes de contado, puis meus óculos e meu pijama.

OBS: Para quem não conhece o manga KareKano, Yukino é uma garota que usa óculos só em casa, nunca sai na rua sem as lentes de contato. Ela está sempre escondendo quem ele é realmente em casa com a família. Na escola, todos acham ela linda e inteligente, mas na verdade, ela não é tão linda quanto todos pensam.

No dia seguinte...
"NÃO ACREDITO! Essa porcaria de alarme não despertou. Tô muito atrasada."
Coloquei minhas lentes de contado, arrumei meu cabelo, coloquei o uniforme e corri para escola o mais rápido possível.
Na rua, quem eu encontro... Arima!
"Ué, por que ele não está de uniforme?"
Ele me viu e gritou: "Yukino! Yukino!"
Me aproximei dele.
"Arima, porque não tá de uniforme?"
Ele soltou uma gargalhada.
"Yukino, hoje é sábado, não tem aula!"
QUE VERGONHA! Como eu posso ser tão estúpida?
"Erm...m... É sério?"
"Hahaha! É claro."
"Que burrice minha." Olhei para o chão como se estivesse envergonhada.
Ele levantou minha cabeça e olhou nos meus olhos. O que será que ele vai fazer?
"Você usa lentes de contato?"
AAAARG! Lá se vai o meu segredinho! Eu estava crente que ele iria me beijar ou algo assim. Que imaginação...
"Uhum... Uso."
"Que legal." Ele sorriu.
"Bom, eu estava indo tomar café da manhã na padaria. Quer ir comigo?"
"Ah, eu adoraria. Mas eu queria mudar de roupa. Vou ficar com vergonha de aparecer com o uniforme na frente das pessoas..." Ri.
"Sua casa é aqui perto, não é? Vamos lá então, eu te acompanho."
Aiiin... Espero que não tenho ninguém em casa.
"Tá, tudo bem."
Fomos andando lentamente para minha casa jogando conversa fora.
"É aqui." Abri a porta e entramos.
"Pode ficar a vontade!"
Ele se sentou no sofá e eu fui para meu quarto trocar de roupa. Fiquei pensando:
"Ai, não sei que roupa eu visto..." Tirei a roupa e abri o armário.
"Ah já sei. Vou por o vestido que minha mãe comprou pra mim a pouco tempo... Mas... Ué? Cadê ele?" Disse revirando o armário todo.
"Deve estar no quarto da minha mãe." Abri a porta do meu quarto mas lembrei de um pequeno detalhe:
"Ufa, quase esqueço que estou só de calcinha e sutiã... Já pensou eu saio assim e o Arima me vê... Que MICO!"
Me enrolei no cobertor e sai bem devagar para o quarto da minha mãe.
"Aiii!" Não! Isso não pode estar acontecendo comigo! Eu tropecei no cobertor e cai de cara no chão.
Arima disse:
"Yukino? Você está bem?" Ele foi andando para o corredor para ver o que estava acontecendo.
Quando vi que ele estava se aproximando, fiquei que nem uma louca tentando me enrolar no cobertor de novo.
"Yukino... Mas o..." Eu estava semi-nua, tentando me cobrir na coberta, mas não deu tempo...
Ele olhou para a minha cara e eu para a dele... 10 segundos depois:
"Meu Deus! Desculpe Yukino! Eu não queria..." Ele disse bem envergonhado e andando para trás.
Enquanto ele ia se afastando eu corri para o quarto da minha mãe e fechei a porta.
"IDIOTA! IDIOTA! IDIOTA!" Falei comigo mesma.
"Que MICASSO! Não acredito que aconteceu isso comigo..."
Enquanto eu estava falando comigo mesma, fui vestindo o vestido tomara-que-NÃO-caia que minha mãe havia me dado. Arrumei meu cabelo e sai devagar do quarto da minha mãe bem envergonhada.
Quando cheguei na sala o Arima disse:
"Yukino... Me desculpe... É sé..."
Interrompi ele:
"Não, não! Não precisa se desculpar. Como minha mãe disse: eu sou desastrada. Só... finge que isso nunca aconteceu, ok?"
"Tudo bem."
Abri a porta e estava começando a chover.
Arima disse: "Acho melhor pegar um guarda-chuva."
"Vou buscar."
Peguei um guarda-chuva que estava no armário da minha mãe e disse:
"Só achei um guarda-chuva..."
"Tudo bem, pode usar."
"Não! Pode ir comigo no guarda-chuva."
"Ok... Se você prefere."
Fomos andando lentamente, um do lado do outro, juntinhos, no mesmo guarda-chuva. Ai ai...
Será coisa do destino?

E... Fim da segunda parte!
Gostaram? Espero que sim. Eu me identifiquei muito com essa fic, espero que também tenham.
Beijos, até a próxima fic. (:

Bola pra frente.

Em relação ao meu outro post, vamos deixar a saudade de lado e bola pra frente! (:

Bom, estava passeando na net como de costume e achei umas coisas muito engraçadas:

179 coisas que são EMO, não vai chorar depois de ler.
1 - Preto é emo
2 - Rosa também é emo
3 - Lilás é muito emo
4 - Roxo é emo
5 - Cinza representa sofrimento, sofrimento é emo
6 - Branco representa paz, emos adoram paz, logo branco é emo
7 - Chorar é emo
8 - Chorar olhando a chuva é muito emo
9 - Chorar tomando chuva é o símbolo máximo dos emos
10 - Cortar os pulsos e não morrer é emo
11 - Reclamar é emo
12 - Ser triste é emo
13 - Ser infeliz é emo
14 - Boné de redinha é emo
15 - All Star é emo
16 - Estrelas são emo
17 - Munhequeiras são emo
18 - Cintos de rebites são emo
19 - Listras são emo
20 - Xadrez é emo
21 - Colar de bolinha é emo
22 - Franja grande de lado é emo
23 - Chutar pedrinha é emo
24 - Chorar ouvindo música é emo
25 - Chorar vendo filme é emo
26 - Meia soquete é emo
27 - Baby look é emo
28 - Galeria do Rock é emo
29 - Ser gay é emo
30 - Ser lésbica é emo
31 - Ser bi é emo
32 - Ser indeciso é emo
33 - Exxxxclllever axxxim é emo
34 - Achar que o mundo inteiro é seu amigo, ou deveria ser é emo
35 - Achar que ninguém gosta de você é emo
36 - Dar abraço é emo
37 - Achar que ninguém devia brigar é emo
38 - Dizer "Eu emo vc!" "Amodoro vc" é emo
39 - Chamar os amigos de marido e marida é emo
40 - Usar srta ou sr. na frente do nome é emo
41 - Usar sobrenome de componentes de banda é emo
42 - Desenhar com cores escuras é emo
43 - Ler Capricho é emo
44 - Ver Fantástico é emo
45 - Ver MTV é emo
46 - Ver Disk é mesmo muito emo
47 - Ir no Hangar 110 em SP é emo
48 - Ir no Black Jack no Rio é emo
49 - Dizer que quer morrer é emo
50 - Dizer que vai fugir com a melhor amiga é emo
51 - Ficar add quem não conhece no orkut é emo
52 - Criar uns fakes "fofinhos" no orkut é emo.
53 - Tentar chegar aos 1000 amigos é emo.
54 - Fazer uma comunidade de "Adoramos a furlaninha" pra Furlaninha também fazer uma pra você é emo!
55 - Criar slides com mensagens fofas é emo!
56 - Mandar peixinho, florzinha, estrelinha, coração, arvorizinha é emo.
57 - Conversar por scrps em vez de msn é emo.
58 - Gostar de coisas no diminutivo é emo.
59 - Ser fã de vários desenhos animados fofos é emo.
60 - Se descrever como um personagem desses desenhos émoridículo e é emo.
61 - Escrever em diário é emo.
62 - Criar "fic" (história de ficção) com artistas famosos é emo.
63 - Falar fic é emo.
64 - Ficar usando palavras em inglês no meio das frases é emo.
65 - Tirar um milhão de fotos da msm coisa é emo.
66 - Tirar foto com cara de sério é emo.
67 - Colocar a foto em preto e branco é emo.
68 - MSN é emo.
69 - Fotolog é emo.
70 - Escrever poemas de sofrimento é emo.
71 - Reclamar é emo.
72 - O Kiko é emo.
73 - A Pops é emo.
74 - Usar lápis no olho é emo.
75 - Usar esmalte preto é emo.
76 - piercing na sombracelha, no nariz e na boca é emo.
77 - Alargador é emo.
78 - Poodles são emo.
79 - Ir "mimir" é emo.
80 - Achar que é diferente do mundo inteiro e que ninguém te compreende e nunca vai te compreender é emo.
81 - Falar que não é vaidosa, mas ficar anos na frente no espelho fazendo chapinha pra alisar a franja e jogar de lado é emo.
82 - Fivelinha no cabelo é emo.
83 - Coisas de oncinha são emo.
84 - Fotos com pose pensativas são emo.
85 - Foto olhando pra cima é emo.
86 - Foto só do olho é emo.
87 - Foto de meio rosto é emo.
88 - Foto de sombra é emo.
89 - Foto dos pés é emo.
90 - Chamar os outros de amiguxo é emo.
91 - Boné de duas cores é emo.
92 - Colocar * antes e depois do nome.
93 - Fazer listas é emo.
94 - Gostar de Hello Kitty é emo.
95 - Gostar do Keroppi (o sapinho) é emo.
96 - A Branca de Neve é emo
97 - Malhação é emo
98 - Dizer que tem certeza que determinada música ou filme foi alguém que copiou da sua vida é emo
99 - Esconder que é emo é emo
100 - Gostar dessas coisas e dizer que não é emo, é emo!
101 - O mundo é emo
102 - Usar papete é emo
103 - Morar no Acre é emo
104 - Cheirar gatinhos é emo
105 - Eu é emo e não sabe gramática
106 - Lula tenta ser emo para ver se ganha algum ibope
107 - Emos são as maiores vítimas dos rituais satânicos dos praticantes de RPG
108 - Você é emo e devia assumir
109 - Tua mãe é uma fábrica de emos
110 - A Xuxa é a fonte de 99% dos emos
111 - Chuck Norris é o único totalmente imune a se tornar emo
112 - Ter medo de Silent Hill é emo
113 - Fazer 'xixi' é emo
114 - A Madonna é emo
115 - Namorar é emo
116 - Fazer amor é emo
117 - Fazer tatuagem de lótus no braço é emo
118 - Fazer tatuagem de triskle no pulso é emo
119 - Fazer tatuagem de coraçãozinho na bunda é emo
120 - Fazer tatuagem é emo
121 - Fazer regime pra emagrecer é emo
122 - Dizer que tal música é 'a música da sua vida' é emo
123 - Ser emo é emo
124 - Andar de Mobilete dizendo que é emo é emo
125 - O número 6 é emo
126 - Nascer na Argentina é emo
127 - Perder para o Brasil na copa é emo e é argentino, então é duplamente emo
128 - A greve de fome do Garotinho pra chamar atenção é emo
129 - ter amor platonico por vocalista de banda é emo
130 - Comer limões de madrugada com vontade de cagar uvas é emo
131 - Tomar suco de limões amanhecidos com vontade de cagar uvas podres é emo
132 - Amanhecer com um suco de uva cagando limões é emo
133 - Fazer suco de manhãs comento caganeiras emo é uva
132 - Dizer "shihjsfijosf" é emo
133 - "edfjisiopfjsdiop" também
134 - Chacoalhar o pênis na frente de um pôster do CPM 22… é um tanto emo
135 - Fazer o mesmo na frente de um pôster do Junior não é emo… é gay mesmo
136 - Escrever nesta porra de artigo é emo pra cacete!
137 - Camelos são emos.
138 - Dromedários… mais ou menos
139 - Picolé de limão é emo
140 - Principalmente se é da Nestlé
141 - Nestlé é emo
142 - Tostines não… Mas Bauduco é
143 - Você é emo
144 - Tomar cerveja de canudinho é emo.
145 - Tomar qualquer bebida alcoolica de canudinho também é emo.
146 - Escrever similes é emo.
147 - Usar figuras como smiles é muito emo.
148 - Pop é emo.
149 - Curtir KLB é muito mais muito emo.
150 - Torcer para o corinthias é emo.
151 - Michael Jackson é emo
152 - Sasuke é emo.
153 - Simple Plan e Forfun são emos.
154 - Ler tudo o que está escrito aqui até agora é emo.
155 -
156 - Só quem não é emo consegue ler o 155.
157 - Hitler era emo.
158 - 90% dos professores de literatura são emos.Os outros 10% são mulheres.
159 - Torcer para o são-paulo é coisa de bambi, bambi é emo, logo, ser são-paulino é emo.
160 - Wanderney da Sauna Gay não é emo.
161 - Vera Verão não é emo.Ela é uma quase mulher.
162 - Um elefante incomoda muita gente.Um emo incomoda muito mais.
163- Falar mal do Bruce Lee é emo.
164 - Ser muito feliz é emo.
165 - Ser muito triste também é.
166 - Ter o link de uma foto com japoneses pelados é emo.
167 - Jogar Ragnarok é emo.
168- Jogar tibia não é emo… é nerd mesmo.
169 - Ser cantado nos scraps por um mulçumando xiita eh emo.
170- Não ter um braço é emo
171 - Emo não tem pele, tem cútis.
172 - Emo não morre, vira porpurina.Os pobres, pois os ricos viram raio-laser.
173 - Emo não vai ao salão de beleza, ele já trabalha lá.
174 - Imitar o DVD da Madonna em plena sala de aula é emo.
175 - Antes de trocar de sexo, Roberta Close era emo.
176 - Utilizar banner's ou avatares de charmander ou afiliados é emo.
177 - Falar mal do fluminense não é emo. é inveja mesmo.
178 - Frase retirada por que os emos citados aqui começaram a chorar pedindo pra tirar ou eles iriam se matar, fazer uq neh?
179 - O Bozo é emo.

E viva a sociedade EMO! \o/

Saudades.

Ai ai...
Como sinto falta dos dias em que eu e o Ciumento estávamos namorando. Não sei porque, bateu uma saudade agora...
Ele nem fala mais comigo no msn. :\
Saudade dos dias que ele dizia que me amava e seria pra sempre. Exagero? Talvez.


Depois de algumas brigas bobas, a magia foi sumindo...


Até que chegou ao ponto de não dar mais...


Fael, sei que talvez você esteja lendo isso, não quer dizer que quero voltar ou algo do tipo. Só que foi 2 meses juntos e depois de um tempo, bate a saudade.
Sim, desculpe se estou expondo nossas conversas, mas não vejo nada de mais nisso. Aliás, nós já terminamos.
Este post foi só para desabafar...
Beijos.

quarta-feira, 31 de março de 2010

First Fanfiction.

Primeiramente o que é uma Fanfiction:
Fanfic é a abreviação do termo em inglês fan fiction, ou seja, "ficção criada por fãs". Trata-se de contos ou romances escritos por terceiros, não fazendo parte do enredo oficial do livro, filme ou história em quadrinhos a que faz referência.
Fonte: Wikipedia.
Agora que sabem o que é uma fanfic, podem ler a 1ª parte da minha fic inspirada no manga KareKano.


Parte 1. Primeiro dia de Aula.
"Dia 19 de Fevereiro é só um dia comum como os outros, relaxe. Você vai fazer novas amigas e com certeza vai gostar da sua nova turma!" Disse minha mãe tentando me acalmar (eu acho) antes de eu ir para a escola. Estou muito nervosa. Encarar uma nova turma não é nada fácil, principalmente fazer amizades. Sou muito tímida.
Coloquei meu uniforme, não puis maquiagem nem bijouterias. Tentei ser o mais simples possível para não chamar atenção. Mas acho que não deu muito certo.
Era um dia chuvoso e frio, eu estava de saia e sem guarda-chuva. Logo que entrei no colégio, procurei um lugar para sentar, mas todos estavam encharcados. Quando achei um lugar seco, corri para ninguém pegar o lugar, mas a pior coisa que poderia acontecer para uma menina tímida no primeiro dia de aula era: escorregar no meio da chuva, de saia e levar um tombo daqueles... Foi o que aconteceu comigo. Todos olharam pra mim e deram risadas de deboche, mas uma unica pessoa, não riu e me ajudou a levantar. Quando olhei para o rosto do indivíduo, simplesmente... Você acredita em amor a primeira vista? Se sim, aconteceu comigo. Fiquei paralisada por uns 10 segundos, o tal garoto preocupado perguntou: "Você está bem? Quer que te leve para a enfermaria?" Eu respondi gaguejando: "N...não... Eu estou bem, foi só um tombo..."
Com cara de que não acreditou, ele disse: "Mas você levou um tombão... E olha! Seu joelho esta ralado. Vamos na enfermaria para colocar um curativo." Ele me acompanhou à enfermaria, enquanto isso, o pessoal todo estava olhando para mim. Mas como eu estava em "off" nem percebi... Fiquei olhando para o garoto o tempo todo.
"Pronto, chegamos. Moça, ela levou um tombo e ralou o joelho." ele disse. Logo depois, ele me colocou na cadeira e a enfermeira foi buscar um curativo. Nessa hora, a timidez tomou conta de mim, fiquei com a cabeça baixa e não falei nada. Ele olhou para mim e disse: "Qual o seu nome? Eu me chamo Arima."
Respondi: "Yukino."
"Belo nome, que ano você está?"
"Segundo grau."
"Eu também! Vamos ficar na mesma turma."
Dei um sorrizinho meio tímido, mas por dentro, eu estava explodindo de alegria.
Chegou a enfermeira com os curativos. Ela passou um remédio e colocou o band-aid.
"Bom, vamos para a sala?" Arima disse.
"Tá, claro..." Tentei me levantar, mas meu joelho estava doendo muito.
"Quer que eu te ajude a subir as escadas?"
"Quero, por favor."
Nossa! Como ele é educado!
Coloquei meu braço em volta do ombro dele e subimos as escadas.
"Pronto! Nossa sala..." Ele disse.
"Muito obrigada Arima." Sorri.
"De nada Yukino."


Está foi a primeira parte da minha fanfic. Mais tarde posto a outra.
Espero que tenham gostado. Essa fic foi inspirada no manga KareKano e alguns fatos que aconteceram na minha vida. (:
Beijos.<3

segunda-feira, 29 de março de 2010

New layout.

Nossa, em 2 dias de blog já se foram 3 layouts! Dessa vez, esse lay veio pra ficar, achei ele simples, porém, lindo!
Bom, não vou falar mas nada porque tô escondida no pc, na verdade, fazendo um trabalho de ciências. -rs
Vou indo.
BIGBEIJOS<3
Até Quarta!

domingo, 28 de março de 2010

Apelidando garotos.

Tá, isso é meio tosco, mas é uma coisa que eu e minhas amigas (Anna, Mariana e Alessandra) fazemos. A Anna e a Alessandra tem a "Pessoinha Feliz" delas, ou se preferir: "Ursinho Carinhoso" (By eu SUHAUHSUA), ah! A Anna também tem o "Ex Pegador dela" xD, a Mariana tem a "Criatura" e o "Confuso", já eu... Hmm... Que tal: o "Ciumento" e o "Inútil"?
Ah! Falando em Pessoinha Feliz, adivinha onde ele tá agora? Tá no turno da manhã!! Fala sério, isso já está virando perseguição! E no recreio, quando eu vejo ele, ele tá sempre olhando pra mim com aquela cara de mongol, peixe morto ou sei lá o que é aquilo. Confesso que tenho medo dele e da amiguinha com cara de enjoada. o_o' Se vocês sabem de quem eu tô falando, NÃO, EU NUNCA GOSTEI DELE u_u, era só uma brincadeirinha minha fingindo ser obcecada por ele (só a Anna e a Alessandra são :D). -Cagueto mesmo HAHA.
Bom acho que é isso...
Amanhã tem aula e começa a luta. S:
Só para descontrair, um vídeozinho viciante:
AVISO; Se não quiser ter fortes dores de cabeça, insônia, olhos ardendo, música chata que não sai da cabeça, NÃO ASSISTA! (: -Se alguma dessas coisas acontecer com você a responsabilidade será toda sua. HAHA!


video

BEIJOS<3

sábado, 27 de março de 2010

A indecisa.

Mais uma semana longa se passou... E cada vez mais sinto falta das minhas amigas do turno da tarde. :\ Sim, eu era do turno da tarde na minha escola e estudar a tarde é realmente um saco. Você chega da escola cansada umas 6 da tarde, já tem que fazer o dever, tomar banho, comer, estudar e dormir. De manhã não é assim. Você tem a tarde toda livre pra fazer o que quiser e inclusive o melhor de tudo, dormir. (:
Apesar do turno da manhã ser melhor por causa do tempo, eu sinto muita falta das minhas amigas. As pessoas do turno da manhã são muito diferentes do turno da tarde. Fiz bastantes amizades na manhã... Com a Fernanda, Danielle, Paola, Lara, Tatiana e Larissa. Elas são legais, simpáticas mas não é a mesma coisa que as minhas amigas Mariana, Anna e Alessandra.
Não são só amigas, tem os amigos também, como o Francisco, Gabriel e outros. Na manhã não tenho muitos amigos, a sala é meio separada, meninas de um lado e meninos do outro.
Em relação ao título "A indecisa" é por causa de uma coisa que aconteceu esses dias... Eu estava namorando um garoto do meu condomínio, ele ERA legal, gentil, atencioso... Mas começou a surgir o CIÚME.
Mas foi tanto ciúme, que acabou que não deu certo... E terminamos. Mas ainda sinto alguma coisa por ele... E também por um outro garoto... Eu gosto dele a um tempão mas depois que conheci o Rafael (garoto do meu condomínio), parei de gostar dele. A Mariana sabe bem quem é...
Eu já não sei mais o que fazer, o Rafael quer voltar mas eu não quero, por que agora eu acho que estou gostando DENOVO do outro garoto. --' AFF. Por que eu fui te conhecer? :|
Bom acho que é só...
OBS p/ Mari: Mari, quando puder me da uns daqueles seus conselhos ótimos ok? USAUHSHUA'
Beijos pessoas<3

Novo blog.

Olá pessoas. (: Bem vindos ao meu Diário, ou se preferir, Blog.
Esse não é um dos meus primeiros diários virtuais (blogs), já tive muitos, mas ao longo dos tempos, foram perdendo a graça e ficando chatos...
Minha amiga Mariana criou um blog a pouco tempo, e foi o blog dela que me deu inspiração para recriar um novo. :3 -ACESSEM O BLOG DELA PLSPLS.
http://www.devaneios-e-fantasias.blogspot.com/
Em relação as minhas postagens, vou postar todo fim de semana novos pensamentos, acontecimentos e etc sobre a minha vidinha. -Sei que vocês tão nem ai pra minha vida mas que sedane HSAUHSUA.
Por que eu só posto fim de semana? Pergunte para minha mãe e ela vai te responder com todo prazer.
Minha amiga Mariana achou que o layout ficou meio... sem graça, sem cor... Por enquanto o layout vai ser esse e mais tarde faço um melhor. (:
Bom, acho que é só...
Beijos pessoas<3